Telefone:

(011) 97333-2909 | (011) 99006-4900

Emergência

24 horas

Agendar

Agende um Atendimento Aqui

Emergência

24 horas

Agendar

Agende um Atendimento Aqui

Como É Uma Clínica De Recuperação Para Alcoólatras

Você conhece alguma clínica de recuperação para alcoólatras? Sabia que elas são mais comuns do que se imagina, e que são fundamentais para o tratamento dessa doença?

Sim, o que já foi considerado problemas de caráter ou desculpa por muitos, hoje felizmente, pode ser chamado de doença pela Organização Mundial da Saúde.

Antes, o alcoólatra era considerado uma pessoa que fez escolhas ruins ou que apresentava desvio de caráter, mas hoje, podemos classifica-lo como um dependente químico, que precisa de acompanhamento.

Sendo assim, precisamos falar também sobre como funciona uma clínica de recuperação para alcoólatras e sua importância na vida do paciente, e de seus familiares.

Continue com a leitura e entenda melhor sobre o assunto.

O que é uma clínica de recuperação para alcoólatras?

A clínica de recuperação para alcoólatras tem a mesma função que uma clínica de recuperação para outros dependentes químicos.

Ela oferece tratamento especializado para o acompanhamento e cuidado de pacientes que apresentam dependência de substâncias, nesse caso de álcool.

De uma maneira geral, costumam oferecer apoio médico e psicológico com tratamentos específicos para cada paciente.

Elas auxiliam no tratamento do dependente químico, e garantem tranquilidade para suas famílias, que podem descansar enquanto têm seu ente querido sendo cuidado por uma equipe multidisciplinar.

O que é o alcoolismo?

O alcoolismo, de acordo com a Organização Mundial da Saúde, é considerado uma doença, onde o indivíduo apresenta dependência do álcool em seu organismo.

De maneira diferente do termo “abuso de álcool”, o alcoólatra não se limita ao abuso, mas vive com a necessidade constante de ingestão da substância, perdendo controle sobre si mesmo e sobre seus atos.

Mais de 2 milhões de pessoas são acometidas pela doença por ano no Brasil, sendo uma situação de fácil diagnóstico, podendo ser diagnosticada até mesmo pelo próprio indivíduo.

Como identificar o momento certo para a internação do paciente?

Considerando que o alcoolismo é uma doença que traz sintomas, que podem ser considerados comuns ao abuso do álcool, é importante manter a atenção a situações específicas.

De uma maneira geral, pessoas que abusam do álcool apresentam comportamentos extremos, e que podem variar de indivíduo para indivíduo, porém, se atente aos seguintes pontos, a curto, médio e longo prazo:

  • Dificuldade em se manter na escola, faculdade ou no emprego
  • Surtos constantes de paranoia ou de agressividade
  • Rotina que é criada para facilitar o consumo de bebidas alcóolicas
  • Atenuação do nível de atenção e de raciocínio
  • Desaparecimento por alguns dias
  • Roubos pequenos dentro de casa

Nos casos citados acima, na maioria das vezes, a internação voluntária é quase impossível, exigindo uma intervenção externa.

 

Como convencer uma pessoa a procurar uma clínica de recuperação para alcóolatras?

Ainda que o alcoolismo seja uma doença de fácil identificação, podendo ser até mesmo auto diagnosticável, é muito comum que algumas pessoas (a maioria) apresentem resistência a reconhecer o problema.

Sendo assim, a melhor maneira de convencer uma pessoa a procurar uma clínica de recuperação para alcoólatras, é conversando.

Converse com a pessoa em um ambiente tranquilo, que ofereça privacidade, e em um momento de completa sobriedade dela.

Apresente, não de maneira agressiva e nem culpando-a por nada, mas de forma tranquila, todas as consequências negativas que o álcool tem trazido para ela e sua família.

Mostre a ela, maneiras de conquistar sensações de prazer e bem estar, sem o consumo de bebidas alcóolicas.

Se a reação da pessoa for positiva, pesquise junto com ela por uma clínica de recuperação para alcoólatras, que ofereça os serviços desejados e necessários e a acompanhe em sua primeira visita.

 

Vale a pena investir em uma clínica de recuperação?

O alcoolismo precisa ser enfrentado como a doença que ele é, com todos os riscos e complicações que ele pode trazer.

E, sendo assim, exige o tratamento adequado e que gere controle em quem sofre com esse problema, da mesma maneira que ocorre com qualquer outro tipo de doença.

Assim como um diabético sem acompanhamento pode desenvolver outros tipos de problemas de saúde, perdendo sua qualidade de vida, e podendo perder a sua própria vida, o alcoolismo também apresenta riscos.

Pessoas que tratam da maneira adequada sua dependência podem perder seus empregos, suas famílias, e até mesmo suas vidas em consequência dessa doença.

Por isso, é fundamental que as pessoas conheçam a importância do tratamento oferecido em uma clínica de recuperação para alcoólatras.

Através delas, milhares de pessoas podem buscar ajuda e acompanhamento, se libertando do vício e dos males que ele pode trazer, a curto, médio e longo prazo.

 

Quais são os tipos de internação oferecidos por uma clínica de recuperação para alcóolatras?

Existem três maneiras diferentes de internação em uma clínica de recuperação para alcoólatras, sendo elas:

Voluntária

Nesse tipo de internação, o paciente reconhece que precisa de ajuda para enfrentar a doença, e busca soluções através da internação.

Ao chegar à clínica, ele passará por uma avaliação, que dirá qual será o melhor tratamento para a sua situação, podendo este, ser integral na própria clínica, ou até mesmo em casa.

Existe a possibilidade ainda, do paciente passar o dia na clínica e voltar para casa à noite.

Ou, de viver sua vida de maneira normal, mas seguir acompanhamento e tratamento na clínica de maneira frequente, através de terapias e grupos de apoio.

Involuntária

Na internação involuntária, há uma intervenção direta de familiares de sangue (não podendo ser realizado por cônjuges), que assinam um termo de responsabilidade sobre o paciente.

O paciente, nesse caso, costuma apresentar dependência extrema que coloca em risco a sua vida, e a vida de quem convive com ele.

Compulsória

No caso de internação compulsória, o paciente poderá ser internado em uma clínica de recuperação para alcoólatras, caso o juiz assim decida.

O pedido pode ser feito por parentes, mediante laudo médico comprobatório, ou através de ordem judicial mediante crimes ou delitos cometidos sob o efeito do álcool.

Conclusão

Pesquise bastante, até encontrar a melhor clínica de recuperação para alcoólatras para você.

Através dela, você poderá ter a segurança de estar cuidando da saúde de uma pessoa querida, que precisa de ajuda para ter uma vida mais tranquila.